Carreira na Indústria Farmacêutica

ESPECIALISTA DE DESENVOLVIMENTO DE EMBALAGEM

Saiba o que faz um especialista de desenvolvimento de embalagem e sua importância para a indústria farmacêutica.

 14 de outubro de 2021
6 min de leitura

embalagem

Para a indústria farmacêutica, o desenvolvimento de embalagens possui um papel fundamental, pois faz o elo entre a ideia inicial de um projeto até a execução final, garantindo um acondicionamento adequado para cada produto desenvolvido e, ao mesmo tempo, dentro das normas dos órgãos reguladores. Essa é a tarefa do Especialista de Desenvolvimento de Embalagem, também chamado de Pesquisador de Desenvolvimento de Embalagens ou Analista de Desenvolvimento de Embalagens.

O que faz?

O Desenvolvimento de Embalagens está envolvido desde a ideia inicial de um produto até a chegada do mesmo às mãos do consumidor. A embalagem precisa ser compatível com a formulação desenvolvida, ter qualidade, segurança, funcionalidade, ser prospectada e comprada corretamente, reprodutível em linha de produção nos equipamentos disponíveis e regularizados, dentro de uma imagem gráfica de layout que represente a empresa. O desenvolvimento de embalagens realiza a junção da necessidade de levar o medicamento ao paciente dentro das normas dos órgãos reguladores e da tecnologia disponível em um acondicionamento adequado a cada produto desenvolvido.

O especialista de embalagem desenvolve todos os materiais de embalagens que estão envolvidos com o medicamento, desde o que está em contato com o produto até a caixa de embarque para transporte. Elabora as especificações técnicas e os layouts dos materiais gráficos e não gráficos, além de avaliar cada material em testes nos equipamentos produtivos e em linhas de produção.

Rotina de trabalho

A rotina é bem dinâmica, elaborando e revisando documentações como artes gráficas, especificações técnicas, documentações regulatórias para registro e pós registro de embalagens, relatórios de acompanhamento, participando de reuniões, desenvolvendo procedimentos operacionais. Além de atuar também em produção, realizando o acompanhamento de testes com novos materiais de embalagens, lotes pilotos, lançamentos e suporte à fábrica.

Importância para os negócios

A embalagem é a interface entre o paciente, o medicamento e a empresa. É um dos principais fatores que garante a estabilidade do produto, auxiliando na qualidade e segurança do mesmo. Estrategicamente, a embalagem auxilia no posicionamento no mercado. Dentro da indústria farmacêutica, o desenvolvimento de embalagens possui um papel fundamental, pois faz o elo entre a ideia inicial de um projeto até a execução final, garantindo um acondicionamento adequado para cada produto desenvolvido.

Pontos positivos e desafios

Dentre os pontos positivos, temos:

  • Dinamismo, em que coisas novas são aprendidas todos os dias;
  • Grandes desafios;
  • Contato com diversas áreas dentro da indústria;
  • Contato com fabricantes;
  • Constantes aprendizados.

Dentre os desafios, temos:

  • Por ter uma grande gama de materiais, você é desafiado a ter um conhecimento amplo sobre os materiais de embalagem;
  • Mercado de trabalho competitivo;
  • Constates atualizações nas legislações.

Formação acadêmica

Deve possuir curso em farmácia, propaganda e marketing, desenho industrial ou design gráfico.

Perfil e principais competências

O especialista em desenvolvimento de embalagem deve possuir de preferência as seguintes qualidades:

Foco: objetivo, estabelecer um planejamento, ser organizado e ter persistência para atingir as metas e alcançar o que se pretende;

Resiliência: ser capaz de lidar com problemas, adaptar-se a mudanças, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas;

Dinamismo: estar engajado com os objetivos da empresa e não parar de aprender;

Curiosidade: gostar de conhecer e entender sobre coisas novas;

Flexibilidade: estar aberto às mudanças e disposto a lidar com diferentes ferramentas, ideias, interações.

Qual é, em geral, a trilha de crescimento na carreira?

No geral, as IF seguem a seguinte trilha de crescimento: estagiário, analista júnior, analista pleno, analista sênior , especialista e cargos de liderança.

Além disso, o desenvolvedor de embalagem tem competência para atuar na área de produção  ou marketing.

O futuro

A pandemia existiu, ainda existe, foi e está sendo muito difícil, porém ao mesmo tempo podemos ter um olhar diferente. Podemos ver que muitas oportunidades foram criadas e desenvolvidas, pois nos vimos em uma situação que não podíamos parar. A indústria não para, ela não vai parar. Só vejo oportunidades crescentes para indústria farmacêutica e para área de desenvolvimento de embalagens, onde as indústrias nacionais e internacionais ampliaram o olhar para o trabalho a distância. Normalizamos o trabalho virtual. A distância não é um fator limitante como antigamente. Além desse aspecto relacionado à pandemia, as exigências em relação à embalagem de medicamentos só vêm aumentando, portanto, é uma área em constante crescimento.

Uma dica para quem deseja ingressar nessa carreira

A primeira dica é: foque nesse ramo. Poucos profissionais se interessam em explorar em pesquisar e estudar materiais de embalagem. O mercado precisa de pessoas que se interessem pelo assunto, existem oportunidades crescentes.

A segunda é: seja flexível, pois as legislações atualizam o tempo todo e você precisa se adaptar.

A terceira dica é: goste de aprender, pois, como há uma grande gama de materiais de embalagem, todos os dias você aprenderá uma coisa diferente.

Leia também: 

Saiba o que faz um analista de documentação farmacotécnina

Saiba o que faz um analista de treinamento

Saiba o que faz um propagandista

Busque seu propósito. Deixe o seu legado. 

Rê Spallicci