Carreira

Dê vazão a sua criatividade

Renata Spallicci desmistifica a criatividade e dá dez dicas para que você possa estimular a sua.

 21 de agosto de 2016
6 min de leitura



“Criatividade é a inteligência se divertindo.”

Albert Einstein

Eu me considero uma pessoa supercriativa! Até demais! Rs

Lembro com carinho de um desenho que costumava assistir na minha infância e gostar muito, O fantástico mundo de Bob! Tanto que costumo chamar minha casa (meu lar, minha “caverna no Batman) de o Fantástico Mundo da Rê Spallicci!

É na minha casa expresso traços da minha personalidade,  onde recarrego minhas energias e dou asas à minha criatividade!

Algumas pessoas têm mais facilidade para criar que outras, mas isso não significa que ser criativo não seja algo que se possa aprender.

A verdade é que a gente tem uma visão bastante distorcida da criatividade e até as imagens que utilizamos para representá-la é, de certa forma, estereotipada. Afinal, aquela ideia de que criatividade é algo como uma lâmpada que, de repente, se acende em nossas mentes é uma imagem totalmente falsa e caricata! Ser criativo não é algo nato ou um dom divino. Criatividade se aprende, se desenvolve e se melhora, estimulando sempre o nosso cérebro e nos forçando a buscar novas saídas para velhos problemas! É o famoso: “pensar fora da caixa”, termo que anda tão em moda ultimamente, mas que pouca gente realmente tenta aplicar.

Somos criados para pensar de forma igual e coletiva, e desde muito pequenos somos tolhidos em nossa criatividade. A criança tem uma forma magica de experimentar o mundo, de enxergar e criar! A brincadeira imaginaria é um grande atributo das crianças que infelizmente perdemos conforme vamos crescendo pelo medo de errar, de sermos julgados, de expressarmos nossas ideias.

Criatividade é criar algo novo. Nada simples para um tempo em que a cada segundo vemos e vivenciamos novidades em um mundo repleto de informações cada vez mais facilmente acessíveis.

Para muitos especialistas, é possível aumentar a criatividade de qualquer indivíduo com treino, preparo, muito trabalho e atenção. Há muitos exercícios para a criatividade. E, por meio deles, é que a tal inspiração acontece.

Para Shelley Carson, professora da Universidade de Harvard e autora do livro “Your Creative Brain”, fundamental para criatividade é forçar o cérebro a sair do conforto, fazer a mente transitar por diferentes padrões. No livro, há muitas dicas para a prática dessa teoria. Uma primeira ideia é sempre exercer uma atividade nova e difícil para você. Obrigue-se a exercer algo que não seja fácil para você, como tocar um instrumento, aprender uma nova língua, cozinhar.

Por isso, lembre-se sempre de que ser criativo é algo que depende de você, do seu esforço e de estar aberto para o novo e para diferentes possibilidades.

Há um vídeo bem bacana que compartilharei ao final do texto que mostra bem como a criatividade funciona e nos ensina o quanto estarmos conectados, ligados com o mundo e atentos às pessoas ao nosso redor é algo muito útil para nossa criatividade. Engana-se quem pensa que, para se ter uma grande ideia, é preciso se isolar e ficar pensando sobre aquele problema. Normalmente, é conversando, conhecendo novas pessoas, vivenciando diferentes realidades e lugares, é que as boas ideias surgem.

Se eu fosse listar algumas coisas que faço para estimular minha criatividade, certamente eu diria que viajar, treinar, tomar banho, ler, ver filmes e sonhar, sonhar muito!

Ser curiosa é não se conformar com as coisas como ela são, sair da zona de conforto e pensar sempre positivo.

Procuro enxergar o mundo com os olhos de uma criança, a sabedoria de um ancião, mas acima de tudo com amor!

Ser criativo é um ato de coragem em primeira instancia!

Não ter medo de errar e de expor suas ideias. Não ter medo de julgamento e ter firmeza em suas crenças.  Muitas vezes, uma ideia que inicialmente pode parecer tola, ao ser compartilhada, pode ser completada por outra pessoa e se tornar uma valiosa invenção ou solução para um problema.

Criatividade é algo que se aprende, sim! E, se você tem dúvidas disso, comece hoje mesmo a seguir algumas dessas dicas e tenho certeza de que vai se surpreender com o poder criativo que sairá de você. Confira:

  1. Quebre regras;
  2. Não tenha medo de errar;
  3. Anote ou grave todas as suas ideias, por mais absurdas que possam parecer no mesmo instante que elas surgirem;
  4. Dê um tempo do computador e do celular e separe um tempo para simplesmente pensar;
  5. Separe um tempo para ficar sozinho, quando nos interiorizamos liberamos nosso imaginário para construir nossas próprias idais;
  6. Experimente o diferente;
  7. Busque novas formas de fazer suas atividades do dia-a-dia;
  8. Rebele-se contra algo com que não concorda e pense numa solução para mudar;
  9. Insista e não desista no primeiro obstáculo;
  10. Conheça novas pessoas de círculos profissionais e sociais diferentes do seu e se interesse em saber como elas pensam;
  11. Viaje;
  12. Leia Livros;
  13. Consuma filmes;
  14. Aprecie tudo a sua volta;
  15. Acredite no seu potencial!

Ah, e não deixe de ver o vídeo abaixo! Ele vai mudar sua forma de encarar a criatividade!

 

 

O maior inimigo da criatividade é o bom senso…

Pablo Picasso

 

Leia também:

A criatividade como fruto do autoconhecimento

Como fugir dos ladrões do tempo e ter uma vida organizada

Cinco passos para delegar tarefas de forma eficaz

A ansiedade a favor da produtividade 

Busque seu propósito. Deixe seu legado.

Rê Spallicci