ESG

Dez de abril foi o Dia Mundial das Boas Ações

No Dia das Boas Ações, Renata Spallicci relembra algumas matérias do site sobre pessoas que fazem a diferença e conta sobre os seis passos para entrar na corrente do bem.

 11 de abril de 2016
4 min de leitura

Dez de abril foi o Dia Mundial das Boas Ações

No dia 10 de abril aconteceu o Dia das Boas Ações, um movimento global que une mais de 60 países ao redor do mundo para fazer boas ações.

E neste  ano, a data foi ainda mais especial, pois comemora dez anos! Desde 2007, milhões de pessoas e milhares de organizações e empresas ao redor do mundo têm se unido, em  todos os  anos, como voluntários, a fim de  praticar  o bem, colocando em prática a simples ideia de que, para melhorar vidas,  qualquer pessoa pode fazer uma boa ação, seja ela grande ou pequena.

E eu realmente acredito nisso. Desde o início do site Renata Spallicci, fiz questão de dar visibilidade a projetos e pessoas que fazem o bem e que, por meio de ações, muitas vezes simples, produzem resultados que impactam diretamente na vida de muitas pessoas.

Histórias como a de Débora Aquino, a Debs, que, depois de  enfrentar a luta contra o câncer, abriu a Escola de Felicidade, um local para ajudar as pessoas a encontrarem as respostas e alcançarem a tão sonhada felicidade.

Ou a de Roger Werner Koeppl, que largou uma promissora carreira no mundo corporativo para montar a YouGreen, uma cooperativa de catadores de lixo que vem mudando a vida de muitas famílias.

E há ainda as histórias do Instituto Oncoguia, uma associação sem fins lucrativos que ajuda pacientes com câncer, de entidades que oferecem tratamentos complementares para crianças e adultos com problemas motores, por meio da equoterapia, e muitas e muitas outras.

Iniciativas bacanas não faltam, mas também são inúmeros aqueles que precisam, e ajuda nunca é demais. Por isso, aproveite esta data e utilize o método dos seis passos sugerido pelo movimento internacional do Dia das Boa Ações para saber  como você também pode fazer parte dessa corrente do bem.

PASSO 1 – Aproveite a data

Reflita sobre o tema.

PASSO 2 – Decida agir

Seja um agente transformador e faça parte do movimento.

PASSO 3 – Escolha sua causa

Com que você e sua organização se preocupam mais? Cuidar de animais, de idosos, ajudar a comunidade ou preservar o meio ambiente?

PASSO 4 – Faça

Ponha sua paixão em prática! Confira o site Good-deeds-day.org para ter ideias de como fazer o bem em sua comunidade.

PASSO 5 – Inscreva seu grupo

Compartilhe seus planos e ideias conosco aqui: Good-deeds-day.org/participate_organizations.

PASSO 6 –  Repasse a mensagem

Encoraje outros a também fazerem o bem.

Em outras matérias do site, como as que descrevem a Plataforma Atados e o Engaja Brasil,  você pode observar  entidades que podem ajudá-lo na busca por programas de voluntariado que tenham a ver com seu perfil e suas crenças.

Tenho a certeza de que, com o esforço e o comprometimento de um pouquinho de cada um de nós, conseguiremos promover significativas mudanças na vida das pessoas.

Gratidão por ter vocês comigo!

 

 

Confira matérias aqui no nosso Portal que destacam boas ações e pessoas que fazem a diferença:

Como escolher uma ação de voluntariado?

Plataforma Atados possibilita escolher ações de voluntariado

Num piscar de olhos

Equoterapia promove melhoras motoras e emocionais

Instituto oferece apoio e informação

Um dia para fazer o bem

Plataforma Engaja Brasil conecta empresas e organizações sociais

Feiras de trocas de roupas e brechós dão nova cara ao consumo consciente

Propósito de vida

Imagine você em uma nova vida

Falando com as mãos 

Busque seu propósito. Deixe  seu legado.

Rê Spallicci