ESG

Uma tarde de esperança no Pró-Saber

Renata Spallicci visita o Instituto Pró-Saber na comunidade de Paraisópolis, ONG que busca a transformação por meio da educação e cultura de crianças e adolescentes.

 3 de agosto de 2016
3 min de leitura

Uma tarde de esperança no Pró-Saber!

Ontem, eu passei uma tarde verdadeiramente especial. Fui à comunidade de Paraisópolis conhecer de perto o Instituto Pró-Saber, ONG que oferece, em parceria com escolas públicas de ensino, educação integral para crianças da região.

Eu já conhecia a Pró-Saber, por meio de pesquisas que eu havia feito nas ONGS da região, e  havia me interessado muito pelo excelente trabalho desenvolvido pelo Instituto. Tanto que, recentemente, fizemos aqui no site uma matéria sobre ele. Mas estar lá vivenciando o dia das crianças e adolescentes foi uma experiência incrível.

A primeira coisa que chama atenção no Pró-Saber é a organização e o tamanho do local. Eles possuem um espaço muito bacana e o que mais me impressionou foi saber que começaram do zero, somente com o terreno e, pouco a pouco, foram ampliando e construindo cada espaço. Isso mostra a força de todos que ali trabalham, liderados pela Maria Cecília Lins, fundadora do Projeto.

renata-pro-saber-2

Mas o que realmente faz do local ser o que é são os trabalhos desenvolvidos pelas educadoras junto às crianças. Ontem, por exemplo, os alunos estavam trabalhando com uma oficina superbacana. Eles mesmos fizeram uma pesquisa na comunidade e perceberam que um dos graves problemas do local é a quantidade de lixo. Como o poder público raramente chega  lá, às vezes, há acúmulo de sujeira na rua, principalmente nos finais de semana. Então, a ideia da oficina foi pegar pneus velhos, que também são um produto de difícil descarte, e transformá-los em grandes lixeiras para serem usadas na comunidade. Uma ideia supercriativa, sustentável e que terá um fim prático muito útil!

Outro fato que mostra que  se trata de uma organização realmente diferenciada é a forma como fazem a gestão da ONG. Há cerca de três anos, a Maria Cecília vem profissionalizando o Instituto e tornando a entidade um verdadeiro exemplo. Eles trabalham com muita transparência, inclusive disponibilizando demonstrativos financeiros para quem quiser ver, abrindo todos os números das doações que recebem, gastos, etc.

Esta, certamente, foi apenas a primeira de muitas visitas que pretendo fazer à Pró-Saber,  porque ver iniciativas como esta me animam a buscar formas de colaborar. Posso dizer que minha cabeça já está pensando em mil ideias nesse sentido, tanto no que diz respeito a recursos, como  contribuir  para a  capacitação dessas crianças.

Mas este é assunto para outro post! Por hoje, gostaria de agradecer de coração à Natália, que me recebeu durante a visita, e a todas as educadoras com quem conversei.

Gratidão pelo aprendizado e pela tarde maravilhosa que passei! E posso dizer que sai de lá com meu coração repleto de esperança!

 

Busque seu propósito. Deixe  seu legado.

Rê Spallicci








Abrir Conversa
Fale comigo!
Abrir Conversa
Fale comigo!