Produtividade

Como fugir dos ladrões do tempo e ter uma vida organizada

Renata Spallicci fala como tem driblado os ladrões de tempo e tornado a sua vida mais organizada, produtiva e feliz!

 7 de julho de 2016
7 min de leitura

Como fugir dos ladrões do tempo e ter uma vida organizada

Certamente já aconteceu com vocês. Você está em uma reunião, o WhatsApp pipoca na telinha, você dá aquela olhadinha na mensagem e pronto! Sua atenção à reunião já diminuiu e aquele outro tema roubou-lhe totalmente o  foco. Vivemos em um mundo cheio de distrações,  de ladrões do tempo e das nossas atenções. Vamos procurar algo na internet e, quando vemos, estamos lendo um artigo…  Vamos ligar para um fornecedor e, de repente, estamos papeando em um grupo de amigas do WhatsApp, e por aí vai! “Quem nunca” que atire o primeiro smartphone! rs

Por isso, tomei uma atitude simples em minha vida que está me ajudando, e muito, no meu foco no presente e também em minha organização. Sempre que entro em reuniões, calls, ou até mesmo na hora do meu treinamento, coloco o meu celular na posição “Não Perturbe”. Pode parecer uma bobagem, e realmente é, dada a sua simplicidade, mas que está me ajudando demais na organização do meu dia a dia.

Dei esse exemplo apenas para compartilhar com vocês o quanto eu julgo a organização algo fundamental para nossas vidas e o quanto manter o foco em nossos compromissos e afastar os ladrões de tempo é essencial para chegarmos a uma vida organizada e, por que não dizer, mais feliz.

Como vocês sabem, tenho muitas atividades no meu dia a dia, desde minha atuação como executiva na Apsen até minha rotina de treinos, passando pelos projetos sociais que apoio, por dar conta aqui do blog e do site, namorar, cuidar da casa e fazer todas aquelas coisas inerentes a nós mulheres — unha, cabelo, etc. etc. E é só a organização que me permite fazer esse monte de coisas!

Isso porque, ter uma vida organizada me permite dividir meu tempo de forma equilibrada entre todas as minhas atividades e, mais do que isso, me possibilita ter foco verdadeiro em cada uma das atividades que desempenho. Afinal, de nada valeria fazer mil coisas e todas mal feitas, não acham? Claro que vou conversar com WhatsApp e acessar as minhas redes sociais, mas no momento certo e não no meio de uma reunião!

Li recentemente sobre uma pesquisa do Instituto de Neurociências da Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, que dá bem a medida do que estou falando. Os cientistas colocaram dez voluntários em uma sala diante de uma telona e lhes deram  atividades que exigiam atenção. Em um dos testes, a atividade era apresentada no centro da tela, mas cercada por estímulos visuais coloridos, simulando uma sala caótica ou o seu computador pipocando de notificações. Os voluntários foram submetidos a exames de ressonância magnética e outros testes para avaliar o grau de concentração ou dispersão. Sabem qual foi o resultado? O excesso de estímulos provocou uma verdadeira pane no cérebro dos participantes e atrapalhou outros mecanismos, sobretudo o foco, provando que a desorganização nos torna realmente mais improdutivos!

E quando falo em organização, estou falando sobre todos os aspectos da nossa vida. Da casa ao armário, dos arquivos digitais às gavetas do escritório. Bagunça é algo que faz mal pra sua vida, pra sua criatividade, foco e produtividade.

Organize sua vida e tenha mais tempo para fazer aquilo de que gosta

Muita gente acha que a organização a levará a uma vida chata e regrada, sem tempo para nada, mas a verdade é exatamente o contrário. Ao ter controle sobre a sua organização, seu tempo e sua agenda, você consegue reservar mais tempo para fazer aquilo de que gosta. Um exemplo disso é o que faz Jeff Weiner, nada mais, nada menos que o CEO do LinkedIn. O executivo bloqueia horários na agenda dele de 30 a 90 por minutos que totalizam cerca de duas horas por dia para “não fazer nada”! É isso mesmo! Como ele tem controle sobre a agenda, ele consegue estabelecer as suas prioridades e, com isso, ele estabeleceu essa necessidade de não fazer nada por um período como algo essencial na vida dele!

A gente costuma achar meio metida quem fala “vou olhar na minha agenda” ao ser convidada para um compromisso, mas a verdade é que essa resposta é mais coerente do que a famosa: puxa, estou sem tempo! O tempo é nosso e devemos ter controle sobre ele e não ao contrário. Quando recebemos uma resposta de que a pessoa “vai consultar a agenda”, nada mais é do que ela lhe dizendo que vai colocar você na lista de prioridades dela, enquanto que a outra resposta não aponta para uma possibilidade futura.

Li recentemente que uma pesquisa da Universidade de Oxford revelou que as pessoas tendem a achar que trabalham mais do que realmente o fazem. Ou seja,  com a desorganização, muita gente acaba passando mais tempo no trabalho do que realmente deveria e tem a sensação de que trabalha mais do que a realidade. A pesquisa concluiu que, hoje, as pessoas têm mais tempo para o lazer do que na década de 1960, por exemplo, mas esses ladrões do tempo não nos permitem usufruir desse tempo para que nos dediquemos a atividades que nos façam felizes.

Por isso, minha sugestão é: deixe de simplesmente listar tudo o que quer fazer e parta para a ação! Organize sua agenda, seu tempo e reserve um espaço para realizar seus planos, seja um curso de inglês, uma aula de culinária ou como nosso “amigo” do LinkedIn, para não fazer nada. Mas seja você a dona do seu tempo!

Eu garanto que com organização, disciplina e foco, você vai ter uma vida muito mais plena e feliz!

 

Leia também:

Organização é a chave para uma vida produtiva

Como gerir melhor o seu tempo

10 aplicativos que você precisa conhecer e ter

Seis passos que irão mudar sua vida para melhor

Por que e como traçar metas pessoais

Busque seu propósito. Deixe  seu legado.

Rê Spallicci