fbpx exaustão emocional– o que é, como identificá-la, sintomas, consequências e - Renata Spallicci

RENATA SPALLICCI

Realização

26/09/2019

Quando o cansaço se transforma em exaustão emocional

Entenda o que é a exaustão emocional, sintomas, consequências e tratamentos

Sim, o mundo está complicado, e é difícil  encontrar quem não esteja se sentindo cansado! Você tem trabalhado cada vez mais e com muito mais pressão por resultados. A sociedade lhe infringe cada vez mais necessidades: é preciso comprar mais, ter um corpo cada vez mais bem cuidado, fazer todos os cursos dentro de seu meio de atuação, manter-se constantemente atualizado.

A polarização política afastou amigos e familiares, e qualquer conversa cotidiana se tornou um barril de pólvora pronto para explodir.

Enfim, há motivos de sobra para você se sentir cansado… Mas, como perceber quando você passou dos limites do cansaço e atingiu a chamada exaustão emocional? É sobre isso que quero abordar a partir de agora, vamos lá?

O que é a exaustão emocional

Em primeiro lugar, é importante que a gente entenda bem a diferença entre cansaço e exaustão emocional. Estar cansado é um sentimento momentâneo,  superado por boas horas de sono, um final de semana revigorante ou, no máximo, alguns dias de férias.

A exaustão emocional vai muito além! É sentimento de desgaste e esgotamento como resultado do estresse acumulado de sua vida pessoal ou profissional, ou uma combinação de ambos.

As pessoas que sofrem exaustão emocional geralmente sentem que não têm poder ou controle sobre o que acontece na vida, sentem-se “presos” a uma situação.

Falta de energia, sono ruim e motivação reduzida podem dificultar a superação do esgotamento emocional. E o pior: com o tempo, esse estado crônico de estresse pode causar danos permanentes à  saúde.

Qualquer pessoa que sofra estresse em longo prazo pode ficar emocionalmente exausta e sobrecarregada. E, em tempos difíceis como o que vivemos hoje, a exaustão emocional pode surgir com mais facilidade! Portanto, se ela surgir, é preciso pedir ajuda!

Quais são os sintomas da exaustão emocional?

Os sintomas da exaustão emocional podem ser emocionais e físicos

Empregadores cujos funcionários estão sobrecarregados e emocionalmente exaustos podem começar a notar mudanças no desempenho do trabalho e no moral geral da equipe. Por exemplo, eles podem começar a perceber que seus funcionários têm:

  • falha no cumprimento dos prazos
  • menor comprometimento com a organização
  • mais ausências
  • alta taxa de rotatividade

O que causa exaustão emocional?

Experimentar um pouco de estresse e ansiedade diariamente é normal, mas, com o tempo, o estresse crônico pode afetar o corpo. A exaustão emocional é causada por um longo período de estresse constante na vida, seja por estresse pessoal em casa ou por estresse relacionado ao trabalho.

O que desencadeia a exaustão emocional difere de pessoa para pessoa. O que pode ser estressante para uma pessoa pode ser completamente administrável para outra.

Como tratar a exaustão emocional

Você pode fazer certas mudanças no estilo de vida para ajudar a aliviar os sintomas de exaustão emocional. Essas técnicas não serão fáceis de executar no início, mas ficarão mais fáceis, quando você começar a formar hábitos mais saudáveis.

Fazer pequenas mudanças em seus hábitos diários pode ajudar a gerenciar seus sintomas e prevenir o desgaste emocional.

Depois de reconhecer os sinais de exaustão emocional, tente o seguinte:

Eliminar o estressor

Embora nem sempre seja possível, a melhor maneira de tratar o estresse é eliminar o estressor. Se o seu ambiente de trabalho é a causa de seu esgotamento emocional, considere mudar de emprego ou empresa. Se o seu gerente ou chefe está lhe causando estresse, você também pode considerar transferir-se para um novo departamento ou pedir para ser colocado sob as ordens de outro gerente.

Comer saudável

Comer de forma saudável significa escolher uma dieta balanceada, rica em frutas, legumes, grãos integrais e carnes magras, evitando lanches açucarados e alimentos fritos ou processados.

Eu sei que nos dizem para comer de forma saudável o tempo todo, mas isso pode fazer muita diferença, quando você está estressado. Além de ajudá-lo a obter as vitaminas e minerais necessários, também melhorará os níveis de digestão, sono e energia, o que pode ter um efeito dominó em seu estado emocional.

Exercício

Qualquer tipo de atividade física aumenta os níveis de endorfinas e serotonina. Isso pode melhorar seu estado emocional. O exercício também ajuda a afastar sua mente dos problemas. Tente se exercitar por 30 minutos ao dia, mesmo que seja apenas uma longa caminhada.

Limite de álcool

O álcool pode melhorar temporariamente o seu humor, mas a sensação desaparece rapidamente, deixando-o mais ansioso e deprimido do que antes. O álcool também interfere no  sono.

Durma o suficiente

O sono é importante para a saúde emocional. Esforce-se para dormir de oito a nove horas de sono todas as noites. Desenvolver uma rotina na hora de dormir pode ajudá-lo a relaxar e garantir um sono de melhor qualidade. Limitar a cafeína também pode ter um impacto positivo em seu horário de sono.

Pratique a atenção plena (Mindfulness)

Mindfulness é um termo que você provavelmente ouve muito, mas as técnicas desse processo são muito mais do que apenas um modismo. Elas são reconhecidas cientificamente para reduzir o estresse e a ansiedade e podem ser a chave para equilibrar suas emoções.

Se quiser conhecer mais sobre o mindfulness confira este artigo que fiz sobre o tema: Atenção plena no presente.

A atenção plena é o ato de se envolver com o momento presente. Isso pode ajudar a desviar sua atenção do pensamento negativo. Existem muitas maneiras de praticar a atenção plena. Exemplos incluem:

Meditação

Yoga

Exercícios de respiração

Dar um passeio, especialmente na natureza

Manter um diário para anotar seus sentimentos e pensamentos

Pesquisadores recentemente descobriram evidências de que uma única sessão de meditação da atenção plena pode ajudar a reverter os efeitos do estresse no corpo.

Procure um amigo de confiança

Conversar cara a cara com um amigo é uma maneira maravilhosa de aliviar o estresse. A pessoa que está ouvindo não precisa necessariamente corrigir seus problemas. Eles podem ser apenas um bom ouvinte. Um amigo ou membro da família confiável pode ouvir sem julgá-lo.

Se você não tem ninguém por perto, verifique se o seu empregador tem um programa de assistência a funcionários,  e que oferece serviços de aconselhamento.

Dê um tempo

Todo mundo precisa de uma pausa em algum momento. Se você tirar férias ou simplesmente encontrar tempo para ir ao cinema, tudo isso ajuda.

Encontre um profissional

Além de mudar o estilo de vida, é importante procurar ajuda profissional para tratar a exaustão emocional. Um profissional, como um terapeuta, pode fornecer as ferramentas necessárias para trabalhar durante um período estressante.

Converse com seu médico

Em alguns casos, seu médico pode sugerir medicamentos para ajudar a gerenciar tais sintomas. Antidepressivos, como inibidores seletivos da recaptação de serotonina (ISRSs), medicamentos antiansiedade ou auxiliares de prescrição para dormir foram usados ​​para ajudar a tratar a exaustão emocional.

Medicamentos como benzodiazepínicos podem ser viciantes e devem ser usados ​​apenas em curto prazo, para diminuir o risco de dependência ou vício.

Quais as consequências e como tratar da exaustão emocional

O estresse responsável pela exaustão emocional coloca você em risco de um esgotamento total. Com o tempo, pode levar a problemas de saúde. O estresse crônico pode afetar seu sistema imunológico, coração, metabolismo e bem-estar geral. A exaustão emocional  o coloca  em risco de:

  • pressão alta, o que aumenta o risco de doença cardíaca
  • constipações e infecções frequentes
  • ganho de peso
  • insônia
  • envelhecimento prematuro
  • ansiedade
  • depressão

A exaustão emocional é uma condição tratável. A melhor maneira de tratá-la é eliminar o estressor ou o evento estressante. Se a exaustão emocional estiver sendo causada pelo seu trabalho, por exemplo, talvez seja hora de considerar a mudança de emprego.

Se você não conseguir eliminar o estressor, aproveite os recursos disponíveis para lidar com ele. Converse com seu médico ou profissional de saúde mental sobre maneiras de gerenciar o estresse e a ansiedade.

E lembre-se:  sentir-se cansado é normal, já a exaustão emocional é uma condição severa de saúde e  precisa ser tratada! Nada justifica prejudicar  sua saúde: nenhum emprego, nenhum desafio, nada!

Esta vida é só sua e é sua responsabilidade cuidar para que ela seja a mais completa e plena possível!

Leia também

Burnout é reconhecido como doença

Preocupação ou ansiedade – como saber a diferença?

Sempre cansado? Você pode estar com a síndrome da exaustão.

Busque seu propósito. Deixe seu legado.

Rê Spallicci

Renata Spallicci

Atleta profissional fisiculturismo WBFF, executiva, empresaria, coach, influenciadora digital, escritora, palestrante motivacional e realizadora social fundadora do movimento Fit do Bem.

renataspallicci.com.br
fitdobem.com.br
dosonhoarealizacao. com.br