fbpx Perfil Comportamental – Entenda se a sua motivação é gerada pela possibilidade ou necessidade para fazer as melhores escolhas em sua vida

O que te motiva? - Necessidade x Possibilidade

RENATA SPALLICCI

Realização

26/03/2019

Você é motivado por necessidade ou possibilidade?

Conheça seu perfil comportamental para que possa fazer as melhores escolhas em sua vida

Você já parou para pensar o que o motiva? O que o faz mudar de emprego, comprar um novo carro, mudar de casa? O palestrante e coach, Tony Robbins, acredita que somos divididos basicamente em dois grandes perfis: os motivados por necessidade e os motivados por possibilidade. E entender onde nós nos encaixamos – e também onde se encaixam aqueles que estão ao nosso redor -, é fundamental para fazermos as melhores escolhas em nossas vidas.

A motivação por necessidade ou possibilidade

 

Qual a sua motivação?

Tony Robbins ensina que as pessoas motivadas pela necessidade fazem algo porque e quando precisam. “Elas não são atraídas para agir pelo que é possível,  não estão procurando por infinitas variedades de experiência. Elas passam a vida aceitando o que vem e o que está disponível. Quando  precisam de um novo emprego,  uma nova casa ou um carro novo, ou até mesmo um novo cônjuge, elas aceitam o que está disponível.”

Ha outras pessoas que são motivadas a procurar possibilidades. Elas são motivadas menos pelo que tem que ser feito do que pelo que querem fazer. Buscam opções, experiências, escolhas e caminhos. “A pessoa motivada pela necessidade está interessada no que é conhecido e no que é seguro. A pessoa motivada pela possibilidade está igualmente interessada no que não é conhecido. Ela quer saber o que pode evoluir, que oportunidades podem se desenvolver.”

Há espaço para todos

A divisão das pessoas por sua forma de motivação não gera nenhuma escala de valor. Em um mundo que valoriza o empreendedorismo, o perfil motivado pela necessidade pode ser visto como acomodado. Mas isso não é uma verdade, e o mundo necessita de pessoas com os mais variados perfis!

Quer ver só? Se você fosse um empregador, que tipo de pessoa  gostaria de contratar? Algumas pessoas provavelmente responderiam: “A pessoa que é motivada pela possibilidade, claro”. Afinal, ter um rico senso de potencialidades contribui para uma vida mais rica. Instintivamente, a maioria de nós (mesmo muitas pessoas que são motivadas pela necessidade) defende as virtudes de permanecer abertas a uma infinita variedade de novas direções.

Mas quer ver como, na realidade, as coisas não funcionam assim?  Imagine alguém motivado pelas possibilidades trabalhando em uma empresa como inspetor de qualidade. Este é um trabalho que exige total atenção aos detalhes, firmeza e consistência. Ter algum senso de possibilidade é bom, mas o que este profissional realmente precisa é do senso de necessidade, pois ele precisa saber exatamente o que é necessário verificar e analisar se tudo está sendo feito de forma correta.

Alguém motivado pela possibilidade, provavelmente, ficaria entediado em um emprego dessa natureza, enquanto alguém motivado pela necessidade se sentiria perfeitamente sintonizado com essa função.

“As pessoas motivadas pela necessidade também possuem outras virtudes. Alguns trabalhos precisam que o funcionário permaneça por um longo período no cargo. Quando a empresa preenche a vaga, quer alguém que dure por muito tempo. Uma pessoa motivada por possibilidades está sempre em busca de novas opções, novos empreendimentos e novos desafios. Então, se encontrar outro emprego que parece oferecer mais potencial, há uma boa chance de ela sair. Já quem é movido por necessidade, não. Ela fica com aquele trabalho por ser uma necessidade da vida”, explica Robbins.

Por outro lado, há muitos empregos que clamam por pessoas com olhos sonhadores e mais arriscados. Uma empresa que quer diversificar suas atividades para um ramo totalmente novo, precisa de alguém que veja as inúmeras possibilidade futuras nesse novo negócio. Imagine um analista de investimentos que tenha medo de arriscar novas possibilidades? Não seria o mais indicado, correto?

Enfim, temos trabalhos movidos pelo sonho e pela capacidade de enxergar as diversas possibilidades, e outros trabalhos que valorizam a solidez, a consistência e a longevidade.

Mudando do lado da mesa, ou seja, pensando em você como profissional, é muito importante que você também saiba qual o seu perfil e procure um trabalho que esteja alinhado às suas metas pessoais.

Lidando com os dois perfis

Entender e conhecer a forma de motivação das pessoas é fundamental até mesmo em nossos relacionamentos. Tony Robbins usa como exemplo a relação dos pais com seus filhos.

“Digamos que você esteja tentando enfatizar com seu filho as virtudes da educação e ir para uma boa faculdade. Se ele é motivado pela necessidade, você tem que mostrar por que precisa de uma boa educação. Você pode dizer a ele sobre todos os trabalhos que exigem absolutamente um diploma. Você pode explicar por que ele precisa de uma base em matemática para ser um bom engenheiro ou de habilidades de linguagem para ser um bom professor. Se seu filho é motivado pela possibilidade, você teria uma abordagem diferente. Ele está entediado com o que tem que ser feito, então você enfatizaria as infinitas possibilidades abertas para aqueles com uma boa educação. Mostre a ele como a aprendizagem em si é o maior caminho para a possibilidade. Preencha seu cérebro com imagens de novos caminhos a serem explorados, novas dimensões a serem abertas, novas coisas a serem descobertas. Com cada criança o resultado será o mesmo, embora a maneira como você a leva até lá seja muito diferente.”

E isso serve para todos os relacionamentos que temos em nossa vida! Por isso, conhecer não só a sua motivação, mas também daqueles que o rodeiam é fundamental para conseguir alcançar as suas metas, sejam elas movidas pela necessidade ou pela possibilidade!

 

Leia também:

Tony Robbins no Brasil – aprendizado e muita energia

Autocoaching: prepare-se para se tornar a melhor versão de você mesmo

O processo de coaching e a vontade de mudança

 

Busque seu propósito. Deixe seu legado.

Rê Spallicci

 

Renata Spallicci

Atleta profissional fisiculturismo WBFF, executiva, empresaria, coach, influenciadora digital, escritora, palestrante motivacional e realizadora social fundadora do movimento Fit do Bem.

renataspallicci.com.br
fitdobem.com.br
dosonhoarealizacao. com.br