fbpx biotipologia-alimentar – nova abordagem de dieta prega a alimentação compatível com os quatro tipos de temperamentos humanos - Renata Spallicci

RENATA SPALLICCI

Dietas

12/09/2019

Saiba o que é a biotipologia alimentar

Entenda como cada tipo de temperamento influencia na forma como você deve se alimentar

Você já ouviu fala em biotipologia? É a divisão dos indivíduos de acordo com as suas personalidades. E você sabia que, segundo algumas teorias, ela pode influenciar na forma como você se deveria se alimentar?

É sobre isso que vamos tratar neste artigo! Vem comigo?

O que é a biotipologia

Algumas linhas de estudo da personalidade humana nos permitem o mapeamento de traços pessoais, determinando tipos específicos. A Biotipologia é um dos caminhos para reconhecer esses tipos em suas diferenças fundamentais – quanto aos fatores corporais, emocionais e comportamentais.

Podem ser identificados quatro desses biótipos que são:

1 – SANGUÍNEOS (CARDÍACOS/PENSAMENTO)

Normalmente doador de energia, prazer oral, ingênuo, não muito preocupado com a aparência. Corpulento, ossos fortes e com andar leve. Otimistas e entusiastas, embora volúveis. Apetite exagerado. Quando em desequilíbrio, tais características podem desenvolver problemas cardíacos e arteriais (hipertensão).

2 – FLEUMÁTICOS (RENAIS/SENTIMENTO)

Possui ouvido seletivo e percebe pequenos defeitos. Perfeccionista, preferindo relacionar-se com pessoas mais velhas. Cabelos grossos e volumosos, sexualidade 8 ou 80. Pode desenvolver, quando em desequilíbrio, problemas nas vias urinárias e renais.

3 – MELANCÓLICOS (PULMONARES/SENSAÇÃO)

Atentos com a eficiência prática e a ênfase material. Corpo longilíneo. As patologias que acometem esse tipo normalmente são as relacionadas às articulações e ossos (artrites e artroses). Grande percepção estética.

4 – COLÉRICOS (HEPÁTICOS/INTUIÇÃO)

É um transformador, líder nato. Fiel às suas ideias, prazer mental, intuitivo. Corpo musculoso, pele geralmente clara. Quando em estresse, pode responder com problemas digestivos (dispepsia, gastralgias) e metabólicos (diabetes).

A biotipologia e os tipos de alimentos

Cada um dos biótipos é identificado a partir das características físicas e de personalidade na sua relação com o mundo. Quando equilibradas no indivíduo, este é capaz de manifestar o melhor de suas potencialidades. No entanto, quando essas características fundamentais estão em desacordo com a identidade tipológica, o individuo adoece.

Por isso, de acordo com os estudiosos da biotipologia, se cada pessoa conseguir ajustar a alimentação ao seu temperamento, tanto a saúde mental quanto a física vão melhorar muito, elevando, consequentemente,  sua qualidade de vida.

Sendo assim, é essencial que cada temperamento se alimente de acordo com as necessidades de sua tipologia.

Temperamento e hábitos alimentares relacionam-se. O temperamento influencia os hábitos alimentares, ou seja, a forma como cada pessoa se alimenta e o modo como escolhe os seus alimentos.

Os temperamentos e hábitos alimentares

Sanguíneo

Os sanguíneos são uns autênticos devoradores de comida, literalmente comem tudo o que lhes aparece à frente. Quando estão num restaurante falam tanto que, normalmente, quando o empregado de mesa vem recolher o pedido, é que olham para o menu.

Alimentação recomendada: arroz integral, brócolis, cevada, couve, ervilha e espinafre.
Alimentação não recomendada: alho, açúcar, batata* , cebola, frutas ácidas, leite e derivados, mel, milho e derivados.

Fleumático

Os Fleumáticos alimentam-se de forma calma e deliberada.Normalmente são aqueles que terminam  sua refeição em último lugar, sendo esta a principal razão pela qual raramente ganham peso (são necessários cerca de 20 minutos para que o organismo sacie a fome).

Alimentação recomendada: abóbora, alface, almeirão, aveia, batata inglesa e doce, berinjela, cenoura cozida, feijão, frango, gengibre, pescada branca, milho e derivados, palmito, peixe de água doce (com escamas), repolho refogado, etc. Temperos: Gengibre, canela, óleo de milho, salsinha, óleo de gergelim e açafrão.
Alimentação não recomendada: leite e derivados, trigo e derivados, alho, açúcar, cebola, sal, e frutas como abacaxi, abacate, banana, melão, laranja, pinha e jabuticaba.

Colérico

Os Coléricos dificilmente variam o menu. No restaurante optam quase sempre pelas mesmas escolhas. Ao comer, engolem grandes pedaços, quase sem os mastigar, muitas vezes falando enquanto o fazem.

Alimentação recomendada: acelga, alface, azeitona, batata (assada com casca), cenoura, ervilha, mandioca, milho e derivados, peixe de rio com escamas, sardinha. Temperos: óleo de milho, limão, salsinha, vinagre, pouco sal. Adoçantes: mel puro ou karo. Frutas: abacaxi, banana prata ou maçã, goiaba, laranja, mamão, melão, morango, maracujá, pêssego e uva.
Alimentação não recomendada: leite e derivados, trigo e derivados, açúcar ou adoçantes, alho e cebola. Cervejas, destilados, refrigerantes, frutas, tais como: melancia, caqui, abacate e pinha. Não ingerir nenhum tipo de carne, exceto peixes de água doce (com escamas), sardinha ou cavalinha.

Melancólico

Os Melancólicos são verdadeiros apreciadores de comida, eles selecionam bem os seus alimentos. Normalmente precisam de muito tempo para decidir o que vão comer, mas uma vez feita a escolha, saboreiam cada garfada.

Alimentação compatível: carne vermelha, peixes, derivados do leite, trigo, apenas frutas doces como abacate, pinha, etc.
Alimentação não-compatível: leite, frango; banana e frutas ácidas, como abacaxi, laranja e morango. Também entram milho, derivados e batata.

Lembre-se: o alimento não é apenas aquilo que se come, e sim, o que somos capazes de digerir. Desse modo, a questão alimentar é uma das chaves para a promoção do estado saudável do organismo.

Leia também:

A dieta ideal para cada tipo de corpo

Dieta da proteína – dez razões científicas para você comer mais

Dieta rica em flavonoides ajuda a diminuir riscos de doenças

Busque seu propósito. Deixe seu legado.

Rê Spallicci

Renata Spallicci

Atleta profissional fisiculturismo WBFF, executiva, empresaria, coach, influenciadora digital, escritora, palestrante motivacional e realizadora social fundadora do movimento Fit do Bem.

renataspallicci.com.br
fitdobem.com.br
dosonhoarealizacao. com.br