fbpx Farinha branca faz mal – saiba porque tirar a farinha branca ajuda na perda de peso e na melhoria de nossa saúde

Maleficios da Farinha Branca - Desafio 10 dias sem farinha!

RENATA SPALLICCI

Dietas

29/05/2019

Dia do desafio: 10 dias sem farinha branca!

Saiba porque a farinha branca e tão prejudicial a saúde e como podemos substituí-la de nossa dieta

Hoje é a última quarta-feira do mês do maio, quando se celebra o chamado Dia do Desafio! O principal objetivo desta data é motivar a população à prática de atividades físicas, não só  para melhorar a saúde física, mas também a mental.

Nesta data, as comunidades de diferentes cidades do Brasil e de toda a América Latina se reúnem para disputar, amistosamente, competições e desafios que estimulam o corpo.

A proposta é que cada pessoa faça qualquer tipo de exercício físico por pelo menos 15 minutos, fazendo desta ação um hábito diário.

Mas eu quero aproveitar esta data para lhes propor um desafio mais longo, e que vai além da prática de exercícios! Topam entrar em um desafio de 10 dias sem o consumo de farinha branca? 

Origem do Dia do Desafio

O Dia do Desafio foi criado no começo da década de 1980, no Canadá, mas com o passar dos anos, o espírito deste dia se consolidou e se espalhou por todo o mundo.

Atualmente, esta é uma iniciativa apoiada pela International Sport and Culture Association (ISCA) e promovida pela Tafisa e Unesco.

No Brasil, o Dia do Desafio foi realizado pela primeira vez em 1995, em parceria com  The Association for International Sport for All (Tafisa). A partir do ano 2000, quem assumiu a organização do evento é o Sesc São Paulo.

Em 2015, o Dia do Desafio passou a integrar o Programa Move Brasil, como mais uma ferramenta para garantir a meta de incentivar a prática de atividades físicas e esportes em todo o País.

Mas vocês devem estar se perguntando:  por que a Rê quer usar esta data para incentivar a eliminação da farinha branca da nossa dieta? Porque alimentação e atividade física devem caminhar de mãos dadas, e a farinha branca é um dos alimentos mais prejudiciais para a nossa boa forma!   

Os problemas da farinha branca

Todos nós ouvimos que a farinha branca e os numerosos produtos feitos a partir dela são prejudiciais para a nossa saúde. No entanto, o uso de farinha branca e seus produtos estão aumentando rapidamente em nosso dia a dia.  Nós o consumimos na forma de pão, pizza, hambúrguer, macarrão, donuts, e a lista continua. Esses alimentos são tentadores, mas não são saudáveis ​​e podem levar ao ganho de peso. A farinha branca está se tornando, cada vez mais, uma parte da nossa dieta e afetando a nossa saúde drasticamente. É muito importante entender por que a farinha branca é ruim para a saúde e, por isso, deve ser consumida com moderação.

A nutricionista de celebridades, Nmami Agarwal, diz: “Durante o processamento da farinha branca do trigo, uma substância chamada endoesperma é removida do germe de trigo, incluindo o farelo de trigo, que é extremamente crucial para a digestão. Além disso, todos os nutrientes essenciais também se perdem durante este processamento,   o que,  em troca, priva  seu corpo da vida saudável, promovendo vitaminas, minerais e fibras alimentares. Em enormes prateleiras de supermercados, você também deve ter notado que poucos fabricantes usam a tática de atrair clientes rotulando os produtos como ‘farinha enriquecida’, o que não é nada, mas apenas a adição de três a quatro vitaminas ao custo de dez perdidos”.

Enriquecer algo significa torná-lo mais rico, adicionando-lhe coisas boas.  Se você adicionar um pouco de vinagre de maçã orgânico à sua água, você a enriquecerá. Farinha branca enriquecida deve conter muitos elementos  bons, então é bom para você. Certo? Errado!

A realidade é que muitas das substâncias boas que havia originalmente foram retiradas, por meio do  refinamento. Os componentes adicionados de volta à farinha são realmente tóxicos!

O ferro é um “nutriente” adicionado à farinha enriquecida, exceto que o tipo de ferro adicionado não é realmente um nutriente, mas é considerado um ferro metálico. O ferro metálico não é biodisponível para o corpo humano e nunca foi destinado a ser consumido. A farinha enriquecida não é absorvida pelo corpo como trigo ou grão, caso seu corpo pudesse usar a energia lenta e eficazmente, mas como um amido. Isso porque o germe de trigo foi retirado da farinha.

Como Farinha Enriquecida Afeta Sua Saúde

Uma vez que este material tenha sido retirado, resta-lhe o amido. Como o seu corpo reage ao amido puro? Da mesma forma que reage ao açúcar puro! O consumo de farinha branca enriquecida ou produtos contendo farinha branca enriquecida faz com que o seu corpo grite durante o percurso de uma montanha-russa alta / baixa de açúcar.

Farinha branca é nada mais do que carboidrato refinado e pode contribuir para a obesidade. Estudos mostram que as pessoas que comem muitas calorias extras (principalmente através de carboidratos refinados) podem adicionar três quilos de gordura corporal por mês ao seu peso. Carboidratos devem vir de fontes não refinadas, como frutas e vegetais orgânicos frescos. Não de algo que tenha sido processado, branqueado e tratado com nutrientes sintéticos.

Nmami Agarwal acrescenta ainda que o consumo regular de farinha branca pode levar a condições como aumento de gordura no gordo e do colesterol ruim na corrente sanguínea, resultando em vários problemas de saúde, como pressão alta, ganho de peso, alterações de humor e obesidade.

Aqui estão algumas razões para evitar a farinha branca:

  1. Ácido:

Durante o processo de refino, todos os nutrientes são removidos, e a farinha branca se torna ácida por natureza. Uma dieta rica em alimentos ácidos, como fast foods, e outros produtos de farinha brancaforçam o corpo a extrair cálcio dos ossos, o que, por sua vez, afeta a densidade óssea. A acidez excessiva é uma das principais causas da inflamação crônica, que pode causar artrite e outras doenças crônicas.

  • Questões digestivas:

A farinha branca tem sido chamada de “cola do intestino”. No mundo de hoje, muita comida é feita de farinha branca, e tudo se transforma em cola nos intestinos. Não tem fibra, congestiona o sistema, retarda a digestão, o que cria um metabolismo lento e pode, muitas vezes, levar a ganho de peso, estresse, dores de cabeça, enxaquecas e constipação.

  • Nutriente deficiente:

A farinha branca é geralmente refinada, para que a camada interna do germe e o farelo externo sejam removidos. No processo, grande parte da fibra e nutrientes essenciais, como vitaminas, minerais e fitoquímicos, são perdidos. Além disso, o processo de branqueamento é feito com produtos químicos que dão à farinha branca sua cor característica. E mesmo que não sejam prejudiciais à sua saúde, eles ainda são ingredientes artificiais que podem ser facilmente eliminados de sua dieta.

  • L-cisteína:

Este é um aminoácido não essencial que é adicionado aos produtos de panificação, como massa de pizza, biscoitos e pães de fast food. O método de produção mais barato da L-cisteína inclui sintetizar, tendo como base penas de pato ou galinha, cabelo humano e outros subprodutos do petróleo.

  • Risco de diabete:

A farinha branca contém aloxana que tem um efeito negativo em seu corpo. Destrói as células beta do pâncreas e também é tóxica para o corpo. Também é conhecido por ser um contaminante que pode causar diabetes.

Alternativas à Farinha Branca Enriquecida

Ok, vamos concordar que é difícil viver sem farinha. Muitos alimentos são feitos com algum tipo de farinha…E é difícil ficar livre dela sem mudar para uma dieta mais radical ou de alimentos crus.

Mas existem alternativas para a farinha branca enriquecida. Tente substituir a farinha enriquecida com trigo integral, farinha de aveia, farinha de centeio, farelo de amêndoa, farinha de arroz integral ou farinha de milho. Macarrão e pão são os alimentos que mais comumente contêm farinha branca, mas preste atenção, pois muitos alimentos processados ​​e congelados contêm farinha enriquecida.

Se disponível, as farinhas germinadas são as melhores. De preferência, orgânica. As massas e os pães de grãos integrais orgânicos estão se tornando mais fáceis de obter, embora o melhor plano de dieta contenha pouco ou nenhum grão e mais frutas, sementes e vegetais vivos.

Farinha de grãos inteiros vs. Farinha branca enriquecida

Os cereais integrais são mais ricos em fibra, porque o germe de trigo e o farelo não foram processados ​​a partir deles.

Alimentos integrais são digeridos mais lentamente, deixando você mais satisfeito por mais tempo.

Os cereais integrais têm mais nutrientes do que os alimentos “enriquecidos” e não são processados ​​como amido, por isso não jogam o seu corpo num ciclo de dependência do açúcar.

Por isso, eu o convido a experimentar o desafio de 10 dias sem farinha de trigo enriquecido. Você pode se surpreender com o quão fácil é e vai sentir os efeitos no seu organismo. E aí, topa? Então, até 7 de junho, vamos abolir a farinha branca das nossas refeições? E que tal compartilhar o desafio com amigos e familiares? Participe do desafio e comente o resultado nas minhas redes sociais! Vamos fazer do Dia do Desafio um marco para uma alimentação mais saudável!

Leia também:

Os grãos superpoderosos

Os benefícios da alfafa

Grão-de-bico é saboroso, saudável e  ajuda na perda de peso

Busque seu propósito. Deixe seu legado.

Rê Spallicci

Renata Spallicci

Atleta profissional fisiculturismo WBFF, executiva, empresaria, coach, influenciadora digital, escritora, palestrante motivacional e realizadora social fundadora do movimento Fit do Bem.

renataspallicci.com.br
fitdobem.com.br
dosonhoarealizacao. com.br