fbpx WBFF Pro Show – Tudo sobre a participação e o segundo lugar de Renata Spallicci no show de Atlantic City do WBFF

RENATA SPALLICCI

Fitness

11/12/2018

WBFF Atlantic City – Segundo Lugar!

Saiba tudo sobre a minha participação em mais uma etapa do WBFF, desta vez em Atlantic City.

Aqui estou eu de volta ao Brasil, depois de mais uma aventura nos Estados Unidos onde competi, no dia 1/12, em mais uma etapa do WBFF! Fiquei em segundo lugar na minha categoria, a Diva Fitness + 35, e fui top ten na Diva Fitness Open… Uma excelente colocação, sem dúvida… Mas, se querem saber se estou feliz, a resposta é não! Afinal, eu quero muito a coroa de campeã! E sinto que desta vez foi por muito pouco!

Uma dura preparação

Renata Spallicci compete no WBFF Atlantic City

Essa foi minha sexta participação em um show do WBFF, e o mais desafiador desta competição é que cada preparação é diferente da outra! Até porque nosso corpo não é uma máquina, e tudo influencia em cada detalhe, seja da dieta, seja do trabalho físico.

Tirando minha primeira competição, posso dizer que essa foi a mais dura fisicamente para mim. Não sei se foi o acúmulo de compromissos do final do ano, ou alguma questão metabólica mesmo, mas o que sei é que foi muito difícil. Nos últimos dias, a minha dieta estava megarrestrita e o trabalho físico muito pesado. Logo, fiquei muito cansada, exaurida mesmo!

Por outro lado, acho que nunca estive tão forte mentalmente! Fui com muita confiança e com a certeza de que poderia ganhar! E, ao chegar em Atlantic City e me encontrar com as outras pessoas do meu time e com os demais competidores e competidoras, fui tendo cada vez mais certeza de que tinha feito uma excelente preparação e de que a vitória poderia realmente vir desta vez.

É muito legal quando, antes mesmo de subir ao palco, você vê seu trabalho ser elogiado pelos demais competidores. É uma sensação de satisfação e de reconhecimento muito bacana e que vale quase tanto quanto o título… Mas só quase…rs,  porque o que queria mesmo era o título! E eu mantive essa esperança até o anúncio final…

Do biquíni ao themewear tudo estava perfeito

A minha crença pela vitória não era por acaso. Além de ter alcançado um corpo bem legal, certamente todo o conjunto dessa minha participação foi o melhor! Cabelo, pele, o meu biquíni e themewear, maravilhosamente confeccionados pela Renata XXX, foram os mais bonitos com que já me apresentei. Enfim, senti que alcancei realmente um nível muito alto para esse show!

Porém,  infelizmente, concursos possuem julgamentos que também passam pelo lado subjetivo, e os jurados acharam que ainda não era a minha vez de ficar com a coroa! Como feedback, me disseram que eu precisaria ter cortado mais as pernas e ficar mais seca. Eles deram, inclusive, uma sugestão, dizendo que, em outras oportunidades, eu poderia mudar de categoria e competir na Figure que é para corpos mais volumosos. Mas não sei… Esta é uma decisão que ainda não sei se é a melhor. Afinal, no Figure há menos competidoras e, às vezes, as competições profissionais nem ocorrem por falta de um número mínimo de participantes.

Um fato curioso que eles me falaram é que nós, brasileiras, temos um corpo totalmente diferente de todas as categorias, somos mais voluptuosas… E eles até pensam em criar uma categoria específica para nos encaixar de uma forma mais correta! Rs…É algo que estão estudando mesmo, principalmente se vierem a fazer mais shows aqui no nosso País!

A verdade é que depois do  anúncio fiquei bem triste, chorei bastante, até como uma forma de descarregar toda a tensão.  Mas o que passou, passou. Agora é bola para frente e pensar nos próximos desafios.

Vitórias que  não têm preço

O que me deixou muito satisfeita comigo mesma é que, dessa vez, já no dia seguinte da competição, eu voltei aos treinamentos… E o melhor, não enfiei o pé na jaca, comendo tudo o que via pela frente! Rs…

Após os shows anteriores, acho que a própria descarga de energia pós-competição me empurrava para uns dias de total farra alimentar, mas, dessa vez, eu mantive o foco, o que me mostrou que já vivo uma vida de atleta sem precisar fazer grandes esforços para isso.

Afinal, como eu sempre digo, a maior batalha das competições fitness é com a gente mesmo, com nossos limites e crenças, e eu sinto que, mais uma vez, saí da competição mais forte do que entrei!

Outro ponto muito bacana foi rever amigos que fui construindo ao longo da minha trajetória no WBFF que vão das pessoas que trabalham no hotel de Atlantic City (sim, foi minha terceira ida lá, e todo mundo já me conhece… haha) até o mestre de cerimônia do show.

E para fechar com chave de ouro, após o WBFF, fui passar quatro dias inesquecíveis em Nova York com minha mãe. Dias que, de tão maravilhosos, vai render outro post exclusivo!

Por fim, não posso nunca terminar um post sobre o WBFF sem agradecer a todos aqueles que são essenciais para que eu possa competir. Aos meus personais Thiago e Luiza Guirra, a toda a equipe da Alicia Gowans, à Renata Massaccesi pelo lindos biquínis e themewear, ao time RS, à minha família e ao meu noivo, Marcelo Toledo, apoiador de todas as horas!

E é claro, a vocês que estão sempre na torcida por mim! Meu próximo desafio? Carnaval 2019 como musa de bateria! Logo, logo, trarei novidades!!

 

Leia também:

Falta pouco para mais um desafio no WBFF

Tudo o que você sempre quis saber sobre o WBFF

WBFF 2018 – fui top 5 em três categorias

 

Busque seu propósito. Deixe seu legado.

Rê Spallicci

 

Renata Spallicci

Atleta profissional fisiculturismo WBFF, executiva, empresaria, coach, influenciadora digital, escritora, palestrante motivacional e realizadora social fundadora do movimento Fit do Bem.

renataspallicci.com.br
fitdobem.com.br
dosonhoarealizacao. com.br